O poder das terapias com o toque das mãos

Nas culturas Orientais a massagem faz parte do cotidiano e dos tratamentos médicos sendo beneficiadas pessoas de todas as idades.

Na nossa cultura infelizmente, durante muito tempo a imagem foi distorcida ficando restrita aos esportes.  De uns anos para cá, principalmente quando passamos a conviver com o estresse globalizado, as pessoas estão descobrindo o valor dos diversos segmentos das massagens: sueca, shiatsu, reflexologia e etc.

O ponto de partida da massagem é a empatia do terapeuta.  Deve antes de tudo ser uma pessoa pronta a ajudar o cliente transferindo confiança e energia positiva assim como deveria ser todo profissional de saúde.  A massagem não terá nenhum valor se o terapeuta não se colocar no lugar do cliente. Como eu gostaria de estar recebendo essa massagem agora?

A arte de curar através das mãos não é nova. No início do século V a.C.  Hipócrates, considerado pai da Medicina, em suas escritas deixou claro que o médico precisa ter muitos conhecimentos, entre eles o da massagem.  Hoje a Medicina moderna trabalha com especialistas em cardiologia, ortopedia e etc.  Entretanto, só não dá, de sã consciência, para negar o valor da massagem como coadjuvante no tratamento médico aliviando as tensões.

Vários povos da antiguidade, sempre de uma forma ou de outra foram adeptos à massagem especialmente os romanos.  Entretanto, durante a Idade Média, depois da queda do império romano, houve uma regressão das coisas do corpo, da própria educação física em função da ascensão do cristianismo onde o culto ao corpo era um verdadeiro pecado, também chamado por alguns autores de “Idade das Trevas”.

Na Renascença, a cultura pelo belo e pelo corpo voltou a explodir e com ela a massagem voltou a ter importância.  No início do século XIX Per Henrik Ling (1766-1839), juntando seus conhecimentos de ginástica criou a ginástica e a massagem sueca.

No Oriente, como dito, a massagem, sempre foi valorizada e no Ocidente tal importância não era dada até que a ciência passou comprovar os seus efeitos simplesmente porque não dá para separar o corpo da mente, a sabedoria popular, no caso, oriental.

Entre as terapias de toque, três são as mais conhecidas: a massagem propriamente dita, o shiatsu e a reflexologia, uma evolução trabalhando-se principalmente de forma consciente os grandes grupos musculares relaxando e aliviando as dores originadas no estresse do dia ou mesmo da prática esportiva.

No esporte a massagem é bem mais conhecida principalmente no futebol e usada como parte do aquecimento dos jogadores e ou depois das partidas para aliviar as tensões.  Podem ser usados os métodos do alisamento ou amassamento dependendo se o objetivo for o de atingir só a circulação periférica ou camadas mais profundas da musculatura.

Aplicação da massagem vem ganhando espaço é nas empresas preocupadas com a qualidade de vida dos empregados disponibilizando esse serviço durante o expediente a fim de aliviar o estresse e rederem mais no trabalho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *